sábado, 16 de janeiro de 2016

Cancelar ou não o plano de saúde? parte 1

Caros,

Recentemente passei raiva com meu plano de saúde, eu tive dificuldade para achar um médico da especialidade que eu estava precisando, só encontrei 2 que atendiam pelo plano, porém só tinham vagas para consulta um mês depois do contato.


Enquanto na cidade há muitos outros médicos dessa especialidade, porém que atendem apenas em particular, com valores das consultas variando de 200 a 300 reais.


Tenho gastado quase 3 mil reais por ano com o plano de saúde, e uso para fazer no máximo 3 consultas por ano, então tenho pensado seriamente em cancelá-lo.


Existem exames e cirurgias que custam bem mais de 3 mil reais, sem contar internações. E depender do Sistema Único de Saúde (SUS) é um pé na cova.


O que tenho pensado é que ao invés de pagar o plano, eu iria aportar o valor mensalmente e investi-lo.


3 mil reais é troco de pão? a longo prazo seria benéfico aportar esses valores considerando que eu vou pouco ao médico? vale a pensa correr esse risco?


Ainda estou estudando a situação, existem vantagens e desvantagens, então eu vou fazer uma parte 2 para essa postagem em breve, onde descreverei todos os motivos pela decisão a qual ainda vou tomar.


Enquanto isso, deixem ai qual é sua opinião a respeito desse assunto?


Outras postagens que você possa gostar:


Custo de oportunidade


Alugar ou comprar um imóvel


Metas para 2016


Dieta para emagrecer rápido e barato


Descrição inicial do BLOG

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Custo de oportunidade



Uma coisa que não comentei na postagem “Alugar ou Comprar um imóvel?” foi sobre o custo de oportunidade.

O apartamento do exemplo da postagem, custava 225 mil reais, e o banco (CEF) exigia o pagamento de exigia 20% para financiar os 80% restantes, 20% é igual a 45 mil reais.

45 mil reais em uma aplicação financeira que renda 0,8% ao mês, renderia um total de R$ 360 reais no primeiro mês.

Então vamos dizer que esses R$ 360 reais sejam o custo de oportunidade (em se ter 45 mil reais)

Considerando as variáveis:

Salário bruto R$ 6.500,00
Valor do imóvel a financiar: R$ 225.000,00


Eis que temos o quadro abaixo:



Compra do imóvel
Aluguel do Imóvel
Prestação / Aluguel
R$ 1.914,00
 1.125,00
Condomínio
R$ 300,000
R$ 300,00
Custo de oportunidade
 - R$ 360,00
+  R$ 360,00

Dinheiro dispendido por mês com moradia

R$ 2.574,00

1.065,00
Diferença (que deve ser aportada por quem está alugando)

R$ 1.509,00


Vemos que o que sobra mensalmente para quem está alugando é R$ 1.509,00, o que faz a diferença a longo prazo aumentar ainda mais.


Óbvio que desconsidero da conta casos exceções como:

·   45 mil usados na entrada foram retirados do FGTS (45 mil é um valor alto para se ter aprisionado no FGTS, só pessoas com mais de 30 anos devem ter isso)
·         Juntando a renda e FGTS com a esposinha, a postagem visava independência financeira do homem.


Deixe seu comentário. Até a próxima.

Esta postagem faz ADENDO a esta: Alugar ou comprar um imóvel Outras postagens que você possa gostar:

Metas para 2016

Descrição inicial do BLOG

Dieta para emagrecer rápido e barato


terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Dieta simples para emagrecer rápido e de forma barata



Nunca mantive nenhuma dieta por um longo período, sempre fiz por um tempo e parava, mesmo quando estava obtendo bons resultados.

A dieta abaixo é uma dessas das quais eu já fiz no passado, porém dessa vez a seguirei até perder os 15 Kg da minha meta 5.

Vou executá-la de segunda a sexta, sempre acompanhada de uma corrida/caminhada das 17h40 às 18h30.

A dieta não é tão difícil de ser seguida, por incrível que pareça, tomar apenas a vitamina de frutas no café da manhã não nos deixa fraco nem cansado, isso se fizermos os lanches corretamente.

Os lanches da manhã e tarde podem ser facilmente armazenados em gavetas no trabalho (amêndoas não estragam fácil), só trocar por uma fruta de vez em quando.

Como eu almoço na rua em restaurantes self-service, o almoço se torna tarefa simples a ser seguida.

Agora o jantar é o pior dos nossos inimigos, pois comer mal de noite é um dos principais motivos para engordar. 

E é muito fácil enjoar da rotina e comer porcarias, o que deve ser evitado.

Estabeleço que no final de semana estará liberado, desde que sem exageros na alimentação.



Segue o plano da Dieta:

Café da manhã: (entre 6h30 e as 7h15)

·         Beber um copo de água ao acordar
·         Depois do banho, beber um copo de vitamina de fruta (leite desnatado + fruta de minha preferência)

Lanche no meio da manhã (entre as 9h e as 10h):

   Comer uma das opções abaixo:
·         3 castanhas do Pará
·         5 Castanhas de caju
·         6 Amendoins
·         Uma fruta (maçã, banana, ...)

Almoço: (entre 11h e as 13h)

·         2 colheres de sopa de arroz
·         3 Colheres de sopa de feijão
·         2 bifes de qualquer tipo de carne (bovina, suína,  aves, peixe)
·         Salada a vontade

Lanche no meio da tarde (entre as 15h e as 16h):

    Comer uma das opções abaixo:
·         3 castanhas do Pará
·         5 Castanhas de caju
·         6 Amendoins
·         Uma fruta (maçã, banana, ...)

Jantar (comer entre 19h e 20h)

·         Filé de frango grelhado + Salada + 1 ovo cozido
·         Filé de peixe grelhado + Salada + 1 ovo cozido
·         3 rolinhos crus de presunto e muçarela + Salada + 1 ovo cozido
·         2 Omeletes + salada


Atualmente peso 90 Kg e tenho 1,70 m de altura, com um IMC de uns 31,14 (obesidade grau 1), e quero voltar a pesar 70 Kg.

Todo final de mês (a partir de fevereiro) irei fazer uma postagem com o seguinte título:  “Relatório mensal de saúde - mês/2016”, onde vou descrever os resultados da minha dieta e rotina de exercícios, e os progressos para acompanharmos mês a mês.

For favor, deixe seu comentário, você tem alguma sugestão?

E se inscreva para acompanhar... abraço!

Metas para 2016




Eai galera, hoje vou escrever quais são minhas metas pessoais para 2016, sendo que algumas dessas metas desencadeiam ou são predecessoras de metas para os próximos anos, então vamos lá, vejam o quadro abaixo:

METAS PARA 2016

Descrição
Tipo de meta
Custo / Dependência
Prioridade
Meta 1   
Alugar um apartamento perto do serviço
Moradia
Custará no mínimo 15 mil por ano
ALTA
Meta 2
Estudar para concurso da área fiscal
Estudos
De 2 a 4 horas por dia, exceto domingo
ALTA
Meta 3
Fazer cursinho preparatório para área Fiscal assim que sair
Estudos
De 2 a 4 mil reais
ALTA
Meta 4
Passar em concurso da área fiscal assim que sair
Estudos
Custos de Meta 1 e Meta 2
ALTA
Meta 5
Perder 15 KG
Saúde
Seguir dieta + 30 min de corrida por dia
MÉDIA
Meta 6
Aportar 30 mil reais até dia 31/12/2016
Financeira
Aportar 3 mil reais por mês
MÉDIA
Meta 7
Ter no mínimo 60 posts no blog até dia 31/12/2016
Hobby
Achar tempo para escrever
MÉDIA
Meta 8
Tirar boa nota no ENEM 2016 (ou 2017)
Estudos
Achar tempo para revisar conteúdo do ensino médio
BAIXA
Meta 9
Passar para Direito em Universidade Federal pública no SISU no início de 2017 (ou 2018)
Estudos
Depende da Meta 7
BAIXA
Meta 10
Fazer 3 passeios para cidades próximas (sem gastar muito)
Hobby

BAIXA


Meta 1 - Alugar um apartamento perto do serviço – Prioridade ALTA


Hoje moro com meus pais, o que me ajuda a aportar muito mensalmente. Porém morar longe está acabando com minha saúde, meu animo e disposição para novos desafios.

Moro a 17 km do serviço, gasto 30 minutos de moto, 1 hora de carro e umas 2 horas de ônibus para chegar ao serviço(vocês que moram em SP vão dar risada, mas tenho uma saúde péssima). Não consigo ir pra casa na hora do almoço e descansar, e de noite durmo muito pouco.  Preciso dar um basta a essa rotina degradante a minha saúde.

Morando perto poderia ir a pé até o serviço, poderia dormir na hora do almoço (o que me daria disposição para enfrentar um cursinho de noite). Sei que vou gastar tempo fazendo tarefas de casa (lavar, limpar, fazer compras, etc...), mas ainda assim, aposto que me faria um upgrade.
Vou fazer postagem sobre essa mudança logo, acompanhem...


Meta 2 - Estudar para concurso da área fiscal  - Prioridade ALTA


Estudar para o concurso é uma meta que depende somente de mim, eu não preciso aguardar publicação de edital ou posicionamento do governo. Estudar só é sempre cansativo, e se não tiver foco, se torna tempo perdido.

Pretendo criar uma postagem mensal no blog, cujo título será Relatório mensal de progresso nos estudos - mês/2016”, onde descreverei quais foram minhas táticas de estudo no mês, quais conteúdos abordei, dificuldades, análise de cobertura de editais anteriores, etc...

Outra postagem que será lançada no blog, mas sem frequência definida, pois dependerá dos lançamentos de concursos e também do meu interesse por eles, terá título de Análise de edital de concurso publicado – ORGÃO/ESTADO – Banca organizadora
Espero que vocês acompanhem e comentem sempre, pois será motivador.


Meta 3 - Fazer cursinho preparatório para área Fiscal assim que sair  - Prioridade ALTA


Estudar sozinho sempre deixa brechas de conteúdo, seja por esquecimento ou mesmo dificuldade de aprender, então defino como segunda meta de 2016, fazer um cursinho preparatório para a área fiscal assim que sair algum (de boa qualidade). Geralmente empresas especializadas em cursos preparatórios chamam esses cursos de “semi intensivo área fiscal”, ocorrem de segunda a sábado, 4 horas por dia.

O preço é salgado, geralmente custam entre R$ 1.500,00 a 4.000,00, e se não for levado a sério, é perda de tempo e dinheiro.


Meta 4 - Passar em concurso da área fiscal assim que sair  - Prioridade ALTA


Apesar da crise que assola o país, estou confiante que entre 2016 e 2017 serão lançadas várias vagas para concurso na área fiscal, uma delas será minha!
Coloquei como meta para 2016, mas não depende apenas de mim.


Meta 5 – Perder 15 KG em 2016  - Prioridade MÉDIA


Hoje tenho 1,70 m de altura e peso 90 kg, estou com IMC de 31,14, situação Obesidade grau 1. Considero estar com 20 Kg de massa gorda, a meta é perder pelo menos 15 KG em 2016 (pouco mais de 1 Kg por mês), o que não será difícil.

De aparência, não estou horrível ainda, meu peso é bem distribuído e me faz um homem troncudo.  Mas para ganhar músculos preciso perder toda essa massa lixo e danosa do meu corpo.

Acompanhe o meu blog, todo final de mês (a partir de fevereiro) irei fazer uma postagem com o seguinte título:  “Relatório mensal da saúde - mês/2016”, onde vou descrever a minha dieta e rotina de exercícios, além dos resultados alcançados.


Meta 6 – Aportar 30 mil reais em 2016  - Prioridade MÉDIA


A meta financeira desse ano é baixa, espero aportar no mínimo 30 mil reais (dá R$2500 por mês), não estou considerando aqui 13º nem férias. Estou deixando baixo assim pois ainda não tenho noção de quais serão meus gastos com estudo nem moradia no ano.

Todo final de mês haverá uma postagem com o título “Atualização patrimonial mês/2016”


Meta 7 – Ter no mínimo 60 posts no blog até dia 31/12/2016  - Prioridade MÉDIA


Já levantei quais serão as 60 postagens, pelo menos os títulos delas estão definidos rsrsrs... Agora precisarei conciliar a rotina de estudos x exercícios físicos x manutenção do blog. Dará uma média de 5 postagens por mês, Acredito que será plenamente possível. Acompanhem....


Meta 8 – Tirar boa nota no ENEM 2016 (ou 2017)  - Prioridade BAIXA


Faz 10 anos que terminei o Ensino Médio, vou ter que revisar alguns conteúdos para conseguir atingir esta meta. Me consumirá tempo, precisarei avaliar, mas como coloquei na tabela, a prioridade desta meta é baixa, e não me frustrarei caso não seja atingida. A meta 9 depende desta.


Meta 9 - Passar para Direito em Universidade Federal pública no SISU no início de 2017 (ou 2018)


Depende da meta 8, possui prioridade baixa para este ano. Muitos dizem que a área do direito está saturada, e eu concordo com isso, mas logo farei uma sequência de postagens que vão deixar claro o meu ponto de vista e quais são meus objetivos com o curso.

Meta 10 -  Fazer 3 passeios para cidades próximas (sem gastar muito)  - Prioridade BAIXA


Vivo em um estado cheio de belezas naturais bem próximas onde moro.  Eu quero ser frugal, mas não quero ser uma múmia presa no meu sarcófago. Sair e passear faz bem, desde que não se gaste muito.
Sem contar que a sociedade lixosa valoriza a publicação de fotos em redes sociais, isso aumenta meu valor de mercado.

Farei postagens referentes a dicas de viagens sempre que possível, acompanhem...



quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Alugar ou comprar um imóvel?



Caros, hoje falarei sobre um tema que nos incomoda muito, moradia, eis a questão: Alugar ou comprar um imóvel??

O que eu vou apresentar nesse post vai abrir os olhos de muita gente, que pensa que aluguel é jogar dinheiro fora, Saiba que não! E tem muitas vantagens.

Vou resumir aqui, mas no final apresentarei os cálculos detalhados (tornará o post imenso eu sei).

Supondo que eu tenha do meu salário até 3 mil reais disponíveis para aportar/investir em moradia (quanto maior, mais vantajoso é alugar)

Vamos aos números
Alugar ou comprar um imóvel novo no valor de 225.000,00 (duzentos e vinte e cinco mil reais)
Eu fiz uma simulação no site da Caixa para compra deste imóvel, e com a minha renda bruta de 6.500, o simulador me apresentou o seguinte cenário


CENÁRIO A

Valor do imóvel
R$ 225.000
Entrada (obrigatória)=

R$ 45.000
1ª parcela

R$ 1.915 reais (as parcelas decrescem, como vemos no anexo de memorial de cálculo)
Meses para pagar
420 (35 anos)


CENÁRIO B

Agora supondo que eu alugue o mesmo apartamento, seguindo as tendências do mercado de aluguéis, os proprietários geralmente pedem 0,5% do valor do imóvel como aluguel, vamos aos dados:

Valor do imóvel
R$ 225.000
Valor do aluguel (0,5%)
R$ 1.125


O pagamento do condomínio seria obrigatório nos dois casos, vamos considerar uma taxa de condomínio no valor de R$ 300,00

Gastos totais com Moradia após 35 anos

Após o cálculo mostrado no anexo, passando-se 35 anos, a pessoa que comprou o apartamento de R$ 225.000, teria gasto com moradia um valor de R$ 678.590,95 (inclui a compra financiada + condomínios do período)
A pessoa que apenas alugou o apartamento, seguindo tendências do mercado de aluguel = 0,5% do valor do imóvel, teria gasto com moradia o valor de R$ 630.000,00, ou seja, gastou só 48 mil reais a menos que quem comprou.

Vale ou não vale alugar então?

Chegando aqui você deve estar pensando, o cara que alugou gastou só 48 mil a menos, mas o cara que comprou adquiriu o imóvel para si após 35 anos.

Mas é agora que vem a mágica, que pode influenciar na hora da escolha, a pessoa deve ser DISCIPLINADA para guardar a diferença da Prestação x Aluguel no período, 


Se a pessoa não for capaz de poupar o dinheiro, NÃO VALE A PENA ALUGAR.

Mas para nós que somos frugais, VALE MUITO A PENA ALUGAR.

Preste atenção nos cálculos,

Gastos Mensais

CENÁRIO A

A primeira prestação do cara que comprou o apartamento é de R$ 1.915 reais + R$300 reais de condomínio, dá um total de R$ 2.215,00 gastos com moradia por mês (decrescente)


CENÁRIO B

A aluguel do cara que alugou o apartamento é de R$ 1.125 reais + R$ 300 reais de condomínio, dá um total de R$ 1.425 gastos com moradia por mês


 Capacidade de aporte

Cenário A

Como disse no começo, o cara teria 3 mil reais disponíveis, temos a conta:
 R$ 3.000 – R$ 2.215 = R$ 785 sobrando para aportar todo mês. 
Lembrando que ele precisaria já ter 45 mil reais para financiar o apartamento (exigência do banco)
Outro ponto é que o aporte do cara que financiou também aumentaria mês a mês de acordo com a diminuição da prestação no sistema de financiamento SAC, aumento gradual mas pouco coisa.



Cenário B
Dos 3 mil disponíveis, temos a conta:
 R$ 3.000 – R$1.425 = R$ 1.575 sobrando para aportar todo mês



Vamos considerar que em ambos os cenários, os aportes serão depositados em uma aplicação que tenha rentabilidade de 0,8% ao mês.


 Situação final

Ao fim de 420 meses (35 anos), teríamos a seguinte situação:


Cenário A Após 35 anos

O Cara que comprou teria um imóvel velho de 35 anos, no valor de R$278.811,41 (corrigido pela inflação de 6% ao ano)
E teria também uma quantia na conta de R$ 3.906.508,51 (3 milhões novecentos e seis mil e quinhentos e oito reais) (que não teriam o mesmo valor de compra de hoje, pois não corrigi pela inflação)
Somando o imóvel + valor da conta bancária = R$ 4.185.319,92


Cenário B após 35 anos
O cara que só alugou não teria nenhum imóvel, mas teria na conta R$  5.396.083,93  (Cinco milhões, trezentos e noventa e seis mil e oitenta e três reais)

Conclusão

O cara que só alugou tem R$ 1.210.764,01 (um milhão e duzentos e dez mil... ) a mais,

E possivelmente poderia ter morado e vivido em várias cidades, morando em imóveis diferentes (desde que fosse o mesmo valor de aluguel e condomínio). Teve mais liberdade de escolha e menos preocupações com dívidas.


Lembrando que quem comprou só terá o imóvel após pagar tudo ao banco.

Quem alugar, a qualquer tempo sempre terá mais dinheiro .


Eu fiz um ADENDO a esta postagem, acesse ela em: Custo de oportunidade






Anexo abaixo

Memorial de Cálculo 


segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Postagem inicial do Blog, meu perfil, foco do blog, etc...

Caros, sejam bem vindos ao meu blog. Sempre gostei de ler os blogs da Blogosfera de Finanças, admiro o Pobretão de Vida Ruim e entre outros.

Após muito tempo pensando, resolvi criar este blog, para também compartilhar minhas angustias, opiniões, dicas, sobre finanças, gastos pessoais, viagens, mulheres. Também tenho objetivo de aprender com vocês, considero a opinião e interação do público muito importante.

Meu perfil de investidor é de conservador a moderado, ainda estou aprendendo os macetes dos investimentos. Por enquanto estou focando meus investimentos só na renda fixa, depois eu falarei mais em um próximo tópico
Eu querendo gastar...
Sou um grande poupador, chegando a economizar mais de 70% do meu salário. Tive uma infância dura e cheia de pobreza, que hoje me faz gastar muito pouco.  Mais pra frente no blog aprofundarei nesse tema.

Servidor público, graduado, e que venho de uma família que subiu para a classe média não faz muito tempo.

Meu objetivo é ficar milionário até os 40~45 anos, hoje tenho 26 anos, ou seja, me restam 14~19 anos. Não é impossível, mas será uma longa caminhada na qual será cansativa, degradante e possivelmente tentadora para ir para o lado negro da força, sendo este blog um refúgio.
Exemplificando o lado negro da força.


Atualmente tenho R$50.700 em fundo de renda fixa, e R$ 15.000 guardados na poupança para eventual uso. Total de patrimônio = R$ 65.700.   Era para eu ter pelo menos uns 60 mil a mais, ano passado o lado negro da força me atentou, deixarei para explicar nos próximos tópicos.

Além de tornar esse blog sobre finanças, também falarei sobre viagens (de uma maneira mais frugal), apesar de concordar que devemos guardar dinheiro violentamente, acredito que viajar é uma experiência que não pode ser postergada.

Aguardem os próximos tópicos, abraço!